quarta-feira, 6 de julho de 2016

passar o sapato - Wedding

Olá...
Devo ou não devo passar o sapato no meu casamento? Passar a gravata é algo mais comum e há quem prefira passar só a gravata. Passar só a gravata ou gravata e sapato é uma questão de desejo dos noivos. É um momento que deve ser encarado com alegria e diversão. É claro que não se deve obrigar, constranger alguém a contribuir nem mostrar valores mais altos como desafio pra ver quem vai dar mais. Mas pensando nesse momento feliz, o sapato da noiva dever ser uma peça muito linda e glamurosa já que vai exposto numa bandeja. Então produzi esse:



Conheça mais e acompanhe-nos em
www.facebook.com/groups/casaredecorar/


quinta-feira, 21 de abril de 2016

Artigo: em casamento tem espaço para artesanato?

Olá...
Fui convidada pela Aline Camila para escrever em seu blog atelieescolaea.com.br  sobre o casamento como um nicho do artesanato. Casamento e artesanato, o que tem a ver? Vou transcrever parte do texto do primeiro artigo e convidar você a visitar o o blog e ler mais, já temos o segundo artigo lá também, dentro desse tema. Espero que gostem e que ajude você de alguma maneira.


Em casamento tem espaço para artesanato? Tem, sim senhora!

Trabalhei muitos anos como decoradora de eventos. Mas decorar casamento sempre foi o que mais me encantou. Atender uma noiva, ouvir seus sonhos, seus desejos sempre me foi muito prazeroso, pois sabia da minha responsabilidade em transformar os sonhos e desejos ali expressos em realidade. Tinha a tarefa de traduzir os pensamentos para no mínimo, aproximar do real. Via meus esforços compensados por um email ou um telefonema agradecendo e a célebre frase para nós, decoradores: Você superou minhas expectativas.
Minhas experiências na decoração de casamento, no atendimento às noivas me mostraram algumas diretrizes, me apontaram caminhos que aprendi a trilhar e um aprendizado que incorporei e que levarei para a vida toda. Saber ouvir, saber interpretar o que seu cliente deseja, esforçar-se sempre para oferecer mais do que o que ele espera são coisas que não podem ser descartadas.
Não importa a época nem a crise econômica, os casamentos continuam acontecendo. Algumas festas com mais glamour, outras com menos, mas elas acontecem e o ano todo.
Quando ouvimos falar em festa de casamento, logo pensamos em fornecedores. Decoração, convites, lembrancinhas, pajens, damas, música, fotos, padrinhos, trajes, buquê, Buffet, cabelos, transporte e mais uma infinidade de itens.
O evento casamento é feito de detalhes. E um olhar mais apurado vai perceber que o artesanato tem seu espaço cada vez mais ampliado. Eu disse que é feito de detalhes, mas na verdade esses detalhes são soluções para algumas necessidades, alguém viu, gostou e acabou tornando um item útil. Imagine você numa festa e o botão de sua blusa cai e sem desespero, você vai ao toalete e então é só procurar por linha e agulha numa caixinha decorada com muito bom gosto e no tom da festa e o seu problema é resolvido! É muito agradável sentar à mesa e ver a preocupação da noiva em informar os convidados sobre o menu e que o mesmo está lindamente exposto numa moldura. Conheço noivas que mudaram de profissão ao descobrir as oportunidades no mundo das festas.
Para essa atividade e como em todo empreendimento, é necessário compreender o universo das noivas. Entender um pouco dos estilos para oferecer produtos adequados significa investir tempo em pesquisa. Hoje, os estilos romântico, rústico e vintage, são os mais procurados, creio que pela liberdade na escolha de materiais e pelo clima familiar que se imprime em cada um dos estilos, mas é preciso lembrar que os clássicos não saem da moda.